Encontre a luz em meio as trevas!

O que você entende por rock? Satanismo? Ódio? Intolerância? Se pensa assim, você está totalmente errado. Assim como toda forma de música, o rock pretende passar uma mistura de coisas, sentimentos e ideologias. Ninguém precisa seguir essas ideologias e sentimentos. Quem segue à risca é só uma pequena fatia, para nós só interessa o som, ou seja aqui no blog pretendemos mostrar exemplos da boa música, focando no rock, mas sempre passeando pelo metal, e as vezes pelo blues e pelo jazz. Bom proveito.

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Dia 13 de julho

Muitas pessoas sabem que no dia 13/07 se comemora o Dia Internacional do Rock, mas nem todos conhecem o motivo. Há 27 anos, nessa mesma data, foi realizado simultâneamente um show nos já inexistentes John F. Kennedy Stadium (Filadélfia) e Wembley Stadium (Londres). O evento, organizado pelos músicos Bob Geldof e Midge Ure, contou com muitos grandes nomes da música, como Led Zeppelin, Paul McCartney, Queen, Black Sabbath, U2, David Bowie, Judas Priest, B. B. King, Eric Clapton, Mick Jagger, entre outros, além de mais de um bilhão e meio de expectadores ao vivo. O objetivo do evento era angariar fundos para os famintos na áfrica. Foram arrecadados mais de 150 milhões de libras, muito mais do que o esperado. Desde então, o dia 13 passou a ser conhecido como o dia do Rock.

Quase 20 anos depois, Bob Geldof organizou também o Live 8, nos dias 2 e 6 de julho de 2005. Dessa vez, foram 9 países, sendo eles os 8 integrantes do G8 e a África do Sul. A intenção foi pressionar os países membros do G8 a perdoarem as dívidas dos países pobres. Como no Live Aid, muitos nomes importantes da música se reuniram para o evento, sendo o Pink Floyd o mais notável, voltando a se reunir após mais de 20 anos.

A música pode ser um meio de entretenimento, mas isso não a torna menos importante ou capaz de realizar grandes mudanças. Long live rock and roll.


Nenhum comentário:

Postar um comentário